Número total de visualizações de página

Fussballverband Region Zürich mit Portugiesischen Teams

BLOGGER: SP de Braga, Braga, Portugal. Sporting Clube de Braga de Zurique, Zürich, Switzerlande - GVrreiros do Minho e cultura luso Portuguesa & Helvética...

3. Liga - Gruppe 2
Sporting Clube de Zürich & Centro Lusitano de Zürich
http://www.football.ch/fvrz/de/verein.aspx?v=1629

4. Liga - Gruppe 3
Lafões Club Portugues
http://www.football.ch/fvrz/de/meisterschaft-fvrz.aspx

4. liga - Gruppe 4
Braga de Zürich & Benfica Clube de Zürich
http://www.football.ch/fvrz/de/meisterschaft-fvrz.aspx

Refiro que, o SP de Braga de Zürich, joga com o nome emprestado da Organisação FC Industrie Turicum 2

Site Oficial da Liga Portuguesa de Futebol Profissional http://www.lpfp.pt/Pages/Inicio.aspx

e-mail inspiracaodoautor@sapo.pt

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Guerrilha: Este é o historial com a treta da treta e não houve nada de maltratar assim tão grave, grave são os invejosos…

As minhas informações escritas foram retiradas pessoalmente e algumas na segunda e terceira pessoa do pretérito prefeito! Vieram de dentro!

Caro Quelhas,
CARO ARMINDO, E CAROS, GRUPO DE TRABALHO DO CLZ

Há coisas na vida em que a gente deve parar para pessar, EU SOU IGUAL AOS OUTROS, MAS DIFERENTE NO PENSAR. porque por vezes perdes-se a vida num segundo! CLARO QUE SIM.

Andas preocupado por eu não dar resposta, TENHO DIREITO DE RESPOSTA NA CIDADANIA A QUE PERTENCO. a minha resposta não é diferente das que já te foram dadas. NÃO DEVES SABER DE TODAS AS RESPOSTAS. Não é por não querer responder. É PORQUE NÃO QUERES APONTAR CULPADOS. Eu apenas e simplesmente por falta de tempo ACREDITO, MAS... e por alguém já ter dado a resposta, QUANTAS? porque ninguém te responde sobre assuntos do centro sem minha autorização. NÃO ME PARECE!

Sobre o assunto do jornal já foi falado, escrito e revisto. METE MANUEL ARAUJO NO MEIO Lamento mas passaram-se cenas tristes e lamentáveis em que nós, direcção, fomos insultados e maltratados. POR MIM NÃO! POR QUEM? Por razões que desconheço. SE DESCONNHECES, TAMBÉM NÃO PODES AFIRMAR ASSIM...

Niguém é melhor que ninguem, CLARAMENTE QUE NÃO. temos que nos respeitar uns aos outros, CLARAMENTE QUE SIM. para sermos bem sucedidos e fazer melhor. EU FACO O MELHOR QUE SEI, MAS INFLEZMENTE CORTARAM-ME AS BASES. Ao fim e ao cabo não somos ninguém. AFIRMATIVO.

Todos nós trabalhamos em prol do Centro Lusitano de Zurique e da nossa comunidade sem segundas intenções. A MINHA INTENCAO ERA AUTO-PROMOVER-ME E DAR O MELHOR QUE SEI, EM PROL DA MINHA SOCIEDADE AOS QUE GOSTAVAM DE LER MINHAS ESCRITAS. Trabalhamos para os servir e não para nos servir-mo a nós. ACREDITO. É esta a minha filosofia enquanto presidente do centro Lusitano. PARECE-ME BEM QUE ASSIM SEJA.

Quanto a cultura, uma das tuas sugestões, irá ser feita, sempre que houver oportunidade, por aqueles que partilham as mesmas ideias e tem a mesma maneira civilizada e culta de actuar com nós. DESCULPA, MAS ESTA MENSAGEM NÃO PERCEBI MUITO BEM?

Para por os pontos nos iis, quero dizer-te que, de momento estamos muito desiludidos com as tuas ações e dispensamos tudo o tipo de participação da tua parte. Daremos tempo ao tempo depois veremos..., há feridas que custam a curar. PARA POR OS PONTOS NOS IIS, PEDI UMA REUNIÃO PARA DAR A CARA E VER CARAS, E FRENTE A FRENTE CONVERSARMOS COMO PESSOAS CIVILIZADAS QUE SOMOS. APURAR FACTOS QUE AINDA ESTÃO POR DESVENDAR... ESPERO QUE CONCEDAS?

Como diz o ditado ,,Gato escaldado de água fria tem medo."
MEDO DO ARAUJO!

Gostaria também que não andes a utilizar o símbolo do centro sem a autorização da direcção, e sem sabermos o que andas a publicar em nome do centro. O SIMBULO É PUBLICO, AS NOTÍCIAS QUE TENHO TRAZIDO À RIBALTA, SÃO NOTÍCIAS DE INFORMACÃO, OUTRAS DE CRÍTICAS SOCIAIS CONSTRUTIVAS E TENDES QUE AS ACEITAR. VÓS TAMBÉM AS FAZEIS.

Nota: Quero dizer o seguinte: Tenho as minhas informações de notícias, a maioria tem vindo de dentro do CLZ. Se por acaso alguma notícia está errada, peço desculpa, foi me dada mal-direccionada. Quanto a críticas pessoais assumo o que escrevi.

Terei todo o gosto em voltar a dar leituras aos meus leitores, amigos e conterrâneos, principalmente da Póvoa de Lanhoso, que se tem manifestado. Fora o Manuel Araujo que não lhe vejo o rosto, que, Sónia já era... Quero manter um bom relacionamento com todos vocês do CLZ, excepto o editor do jornal.

Mensagem: Manuel Araujo preparava-se para dar o golpe na Revista CLZ. Estava a aludir publicitários da revista do CLZ para a nova revista Portugal/Suíça. Muitas das publicidades, caso da GOUTEC, iriam transitar para o novo modelo do jornal Life Notícias. Mas vejam os LINKS e tirem conclusões.
http://araujo.wordpress.com/?s=life+tv
Espero então uma reunião. Obrigados.

Melhores cumprimentos
Um abraço a todos

Armindo Alves
João Carlos Veloso Gonçalves


Caro Quelhas. Há coisas na vida em que a gente deve parar para pensar, porque por vezes perdem-se a vida num segundo! Andas preocupado por eu não dar resposta, a minha resposta não é diferente das que já te foram dadas. Não é por não querer responder. Eu apenas e simplesmente por falta de tempo e por alguém já ter dado a resposta, porque ninguém te responde sobre assuntos do centro sem minha autorização. Sobre o assunto do jornal já foi falado, escrito e revisto. Lamento mas passaram-se cenas tristes e lamentáveis em que nós, direcção, fomos insultados e maltratados. Por razões que desconheço. Ninguém é melhor que ninguém, temos que nos respeitar uns aos outros, para sermos bem sucedidos e fazer melhor. Não se intermeta na vida dos outros para atingir popularidade. Ao fim e ao cabo não somos ninguém. Todos nós trabalhamos em prol do Centro Lusitano de Zurique e da nossa comunidade sem segundas intenções. Trabalhamos para os servir e não para nos servir-mo a nós. É esta a minha filosofia enquanto presidente do centro Lusitano. Quanto a cultura, uma das tuas sugestões, irá ser feita, sempre que houver oportunidade, por aqueles que partilham as mesmas ideias e tem a mesma maneira civilizada e culta de actuar com nós. Para por os pontos nos iis, quero dizer-te que, de momento estamos muito desiludidos com as tuas acções e dispensamos tudo o tipo de participação da tua parte. Daremos tempo ao tempo depois veremos. Há feridas que custam a curar. Como diz o ditado „Gato escaldado de água fria tem medo. Gostaria também que não andes a utilizar o símbolo do centro sem a autorização da direcção, e sem sabermos o que andas a publicar em nome do centro. Melhores cumprimentos. Presidente: Armindo Alves

Janeiras 2010 reverteram para duas instituições.
Janeiras ou Reis renderam 8.280,00 Francos. O Cento Lusitano de Zurique cantou as "Janeiras". A verba vai ser dividida por duas associações; "Associação de Apoio aos Deficientes Visuais do Distrito de Braga". A sede dos Invisuais está sediada na Póvoa de Lanhoso. E "Bruna" - menina que sofre de Displasia Septo-Óptica (Síndrome de Morsier". A "Bruna" já partiu para a cidade de Guangzhou City no sul da China no dia 18 de Janeiro para proceder ao seu tratamento. O Centro Lusitano de Zurique cantou as “Janeiras” em Zürich, Aargau e Schauffhausen. Pedro Silva diz que vão emitir um documento que prova o envio dos valores que renderam uma quantia de 8.280 CHF. A associação do Centro Lusitano de Zurique canta as “Janeiras” pelo facto de não perderem as tradições, raízes, modos e costumes de um povo Português. Os nossos povos cantam em terras que os apadrinharam, por convívio, prazer, divertimento, associativismo, e pelo prazer de ajudar quem precisa! Bem hajam a todos os elementos do CLZ. Quelhas

Olá João! Respondi-lhe de acordo com as indicações que recebi aquando o seu primeiro e-mail pois eu mesma não tenho acesso a todos os elementos da direcção diariamente. Assim, a marcação de reunião com o Armindo não é uma diligência que passe por mim. Tendo em conta que o João enviou o e-mail também para ele, creio que ele lhe responderá adequadamente. Com os melhores cumprimentos, Elisabete Lourenço

Caro Araújo você vai se queimar mais que aquilo que está! Você também não é um jornalista Professional, é um jornalista individual, por conta própria, e, paga do seu bolso à S.S. como disse, (trabalhador individual por conta própria) cerca de 200 € mensais, e se o não faz está ilegal, porque neste ultimo caso que refiro, está a ser um falso jornalista, já que, se intitula como jornalista Freeceler. Não se intermeta na vida dos outros para atingir popularidade... Quelhas
Olá Manuel Araújo. Este e-mail deveria ser por engano!? Para quê este e-mail endereçado para mim? Não tenho nada a ver com esse caso! Não sou jornalista, não sou escritor. Sou apenas autor das minhas obras de livro, e autor das notícias que escrevo em alguns jornais, entrevistas e opiniões que formulo, gratuitamente... Se este e-mail trás água no bico, não sei, não estou nem aí. Se é para fazermos amizade, pois aceito, porque errar é humano, tanto de uma parte, assim como da outra. Sabe muito bem que o grande causador de a minha pessoa não escrever no LZ, é o Manuel Araújo. Escrevia grátis e as pessoas gostavam das minhas escritas. Acima de tudo dava-me gozo escrever no LZ, mesmo a título grátis. Quando o senhor der por ela que errou, e der o braço a torcer, eu aceito novamente o desafio de voltar. Quanto ao meu fel, já saiu todo com o último registo que escrevi sobre o LZ e a sua pessoa. De qualquer forma, obrigado pelo e-mail, pois gosto de andar informado e como não me apetece ir muito ao seu blogue ia ser difícil. Convido o Manuel Araújo a visitar http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/ e fazer parte deste Link de Personagens de honra a meu convite. Pense. Continuação Quelhas

Araujo: Prossegue amanhã dia 17 de Fevereiro no Tribunal de Amares, o julgamento de um alegado falso jornalista, acusado do crime de usurpação de funções. O arguido, que se intitulava “ex-jornalista da TSF” e afirmava ter carteira profissional, foi acusado pelo Ministério Público, por alegadamente ter enganado vários profissionais da comunicação Social desempregados, os quais contratou para a ” empresa de comunicações”. O falso jornalista dizia-se ainda “proprietário da Life TV Online, Life Rádio Online e Life Notícias, um jornal em papel que iria ser distribuído no estrangeiro, em especial junto das comunidades de emigrantes portugueses”. A nova sessão do julgamento está marcada para amnhã dia 17 de Fevereiro às 9:00 horas no Tribunal de Amares – Braga.

Olá Elisabete. Creio que consultou a direcção para me responder? Queria marcar uma reunião com a Direcção, principalmente com o presidente Armindo Alves. Precisava que facultasse o numero do TLM do presidente, pois o do Lusitano está quase sempre indesponível e, pode sair alguma pessoa que não tenha decisões, entendeu? Podem me responder, se quizerem por e-mail, para uma palestra, entre pessoas civilizadas para chegarmos a um bom senso. Obrigado. Fique bem. João Carlos Veloso Gonçalves

Boa tarde Quelhas! Agradeço desde já a disponibilidade que teve ao enviar-me os temas em anexo. No entanto, e como é do seu conhecimento, o Lusitano é propriedade do Centro Lusitano de Zurique. Creio que o Quelhas terá recebido um e-mail, da parte da Direcção, em resposta a uma possível publicação dos seus artigos no Jornal. Assim, o meu convite mantém-se para os nossos leitores mas não passo por cima de uma decisão que já era anterior à minha chegada. Essa é, uma questão entre o Quelhas e a Direcção do CLZ e quanto a isso nada posso fazer. Um bom fim-de-semana. Atenciosamente, Elisabete Lourenço

Bom dia "Deste modo, todos os leitores são convidados a participar activamente neste processo" Elisabete Lourenço.
Uma dedicatória aos invejosos, a também a meus amigos.

O mundo poderia ser melhor!?
Quem me dera ser aquilo que tu és!
E, quem te dera ser aquilo que eu sou!
Nesse sentido, talvez, fossemos;
Mais sábios e menos ignorantes,
Mais humildes e menos brutos,
Mais amigo do teu amigo,
E, e menos destruidor de ilusões.
Se de facto pudéssemos juntar as nossas qualidades,
O mundo iria viver
melhor...
Se eu soubesse o que tu sabes!
E, tu soubesses o que eu sei!
Nunca jamais;
Descobríamos os nossos defeitos.
Uma vez que não é possível!
Podíamos ser mais unidos,
E, a hipocrisia dava lugar a um bom senso.

"Quelhas" autor povoense...

NOTA: Anexo um fixeiro com 4 temas diferentes, segue noutro e-mail algumas imagens para ilustrar os temas. Aguardo atenciosamente uma resposta. Um abraço. João Carlos Veloso Gonçalves

Caro Quelhas. A minha resposta foi enviada para todos os contactos a quem o Quelhas enviou o e-mail, de modo a evitar a recepção de mais e-mails que pudessem não me dizer respeito. Quanto ao seu pedido, devo esclarecer que, sendo Directora do Lusitano de Zurique, tenho a responsabilidade de gerir os conteúdos, corrigi-los, avaliar temas que possam interessar. No entanto, o Jornal é propriedade do Centro Lusitano e a introdução de determinadas temáticas ou colunas terão sempre, a priori, de ser aprovadas pela Direcção do Centro. Assim, este e-mail segue com o conhecimento de membros da Direcção para que eles possam avaliar a sua solicitação. Com os melhores cumprimentos, Elisabete Lourenço

Olá Pedro. Sabes bem que não tenho nada contra o CLZ, até que provem o contrário!? Tenho sim, e escrevi como desabafo em todas as frentes contra o (Dominador - Manuel Araújo) e alertei a nova (Directora) para não seguir as pegadas da (Sonia) que também não a acuso, apenas, digo, que deixou o (Araujo) fazer o que queria, Certo? E isto digo e afirmo, porque ele fe-lo comigo e tu sabes muito bem. Quanto a levar dinheiro, isso é treta, porque eu fazia com gosto em colaborar com O CLZ. Mas enquanto o (Editor) for esse senhor (Araujo) está fora de hipotse. Quanto à tal desunião, saiu aí de dentro o tal (remuinho) e alguém meu amigo me contou. Eu escrevi e exclamo e pergunto e não afirmei, Certo? Tenho recebido e-mails de pessoas, onde uma delas diz quanto à questão, que a culpa é quase toda do P. Bártolo, não sou eu que envento... Um abraço. Quelhas

Boa noite Quelhas. Lamento ter que lhe responder. Os seus "REMODOINHOS DE VENTO" andam-lhe a informar mal. Primeiro informe-se ,depois escreva. A direcção do Centro Lusitano de Zurique cada vez mais esta mais unida, e são pessoas como o Senhor que nos faz unir mis. A seu devdo tempo tera a resposta da direcção ,isto simplesmente é uma resposta pessoal. Não caia no ridiculo,nós queremos pessoas que não andem aqui por interesses pessoais. ANDAMOS AQUI DE BORLA:PORQUE TERIAMOS DE PAGAR A SI? Não misture casos pessoais. Sempre plo CLZ. Pedro Silva.

Citando: Um amigo a não revelar. Olà caro amigo. Espero que esteja tudo bem consigo igualmente para quem lhe està ao lado na caminhada da vida . Obrigado por gostar da minha escrita. Fico contente por isso. Quanto a sua opinião e critica à directora anterior, lhe possa dizer, que o melhor è escrever a suas escritas e não se importar, com coisas que na verdade havia de levar outro rumo. Mas do meu ponto de vista, residente nesta Cidade, existe certas pessoas que deviam trabalhar para serem bons pais, bons maridos, ou ainda bons empregados, em vez de estarem em Clubes, Centros...... O grande mal de tudo . Seja Clubes, ou outros, com comando Portugues, è Orgulho, ganancia, o querer dar nas vistas, o passar por cima dos sentimentos. Lhe posso dizer sou Portugues, mas nao admiro a forma de vida que a maioria nos temos. Ou seja. Beber, berrar, fazer pouco, acumular riqueza, trabalho casa, casa trabalho. Tambèm lhe quero dizer que na raiz de algum mal do Lusitano, sem dùvida alguma foi o Padre Bartolo. Mais uma vez , obrigado . Bom fim-de-semana. Sem mais comprimentos. Um amigo a não revelar de dentro

Um desabafo! Olá Amigo. Estou mais desapontado com o Manuel Araújo, pensa ser o melhor e ter o rei na barriga. Pena é todo o Centro e a nível da Revista do CLZ, estarem contaminados com esse senhor Editor da mesma, faz o que quer, até parece não haver mais ninguém, fico por aqui!

CONVITE:

Estou com um projecto no meu Blogue e jornais onde escrevo, sobre Cultura e Markting dos autores e tudo que envolve. Convido sua Ex.a a colaborar neste espaço Cultural; http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
para isso preciso da sua Biografia, foto, dados dos jornais onde escreve, hi5, Blogger, e-mails, e se tem outros dotes Culturais descreve-los, isto entre outros.... Agradeço-lhe uma resposta para o exposto. Convido-o a visitar o Blogue e ver já as 4 Personagens de Honra que saíram na pág. Cultural sob cultura, 2 delas saiem nos jornais Gazeta Lusófona e Fri-luso do mês de Fevereiro. Um abraço para o Senhor e sua Família Quelhas autor povoense

Elisabete, permita-me que a trate por tu!? Em primeiro lugar deixe-me pedir desculpa. O conteúdo de; "Críticas Sociais Construtivas e Elogios" tem sete parágrafos e só um foi dirijido a si. Os outros são dirigidos a quem neles fala e com respeito por todos. Quis alerta-la, para que não se deixe "vergar" pelo Sr. Araújo, e digo isto porque ele comigo portou-se muito mal. Podou-me textos sem consentimento. Não publicava meus artigos quando bem entendia e, não me dava uma justificação. A Sónia apenas era a Directora da Revista, e o Sr. Araújo é que riscava e cortava, por isso eu digo que, não caia no rediculo. Entendeu? Mais uma vez desculpe pela massada e desculpe. Bom trabalho para si, quem sabe se, eu, um dia volto!... Cumprimentos Quelhas

Caro "Quelhas", O meu contacto foi divulgado no "Lusitano de Zurique" justamente para que pudessem chegar até mim questões relacionadas com os conteúdos do Jornal. Assim, gostaria que daqui para o futuro apenas o utilizasse nesse sentido. Creio que 90% do conteúdo do seu anterior e-mail não me diz respeito e, como
tal, é informação que classifico de "dispensável" para o exercício das minhas funções. Só mais uma questão. O "cair no ridículo" a posteriori e a minha relação profissional com o Sr. Manuel Araújo, ou com qualquer um dos membros da Direcção do Centro Lusitano, não lhe diz respeito. Por isso, agradeço que guarde para si as suas conjecturas acerca do meu possível desempenho como Directora do Lusitano de Zurique ou acerca dos relacionamentos profissionais que daí advêm. Com os melhores cumprimentos, Elisabete Lourenço

Críticas Sociais Construtivas e Elogios por Quelhas
Obrigado “Sónia Abelha Delgado.” Obrigado por tudo! Obrigado por ser perseverante durante algum tempo e, fazer o que melhor conseguiu fazer à frente dos destinos da Revista do Centro Lusitano de Zurique como Directora… Foi pena que se deixou induzir quase sempre pelo seu Editor, Sr. “Manuel Araújo”, no qual nos desentendemos…

Bem-vinda, “Elisabete Lourenço”, ao novo cargo de Directora do Centro Lusitano de Zurique, espera-se que, uma cara nova, traga novos horizontes e ideias. Conjecturamos que, a partir daqui, não dei-a asas ao Editor, Sr. “Manuel Araújo” e cair no ridículo!

À actual Direcção ou há futura Direcção do Centro Lusitano de Zurique, digo isto porque andam aí “remoinhos de vento” que, a Direcção foi dissolvida pelo seu presidente, “Armindo Alves”, acerca de quererem dividir a (Igreja do CLZ)!? – Bem voltando ao assunto: Há Direcção do Centro Lusitano de Zurique devo dizer que, só voltarei a colaborar com notícias e teses de diferente trato, quando, demitirem seu Editor, Sr. “Manuel Araújo”, ou, se me pagarem muitíssimo bem…

Gratidão ao Centro Lusitano de Zurique que, como em anos anteriores, cantam as “Janeiras”, desta vez a verba vai ser dividida entre duas causas, “Associação de Deficientes Visuais do Distrito de Braga” e “Bruna” – menina que sofre de Displasia Septo-Óptica (Síndrome de Morsier” que já publicitei várias vezes em Blogues, e adiantando; A “Bruna” já partiu para a cidade de Guangzhou City no sul da China, para proceder ao seu tratamento.

Apupos para o Sr. Director do Centro Lusitano de Zurique, Armindo Alves” e ao Sr. “Domingos Pereira”. Parece que existem pessoas que gostam de criticar e não gostam de ouvir críticas e verdades, refiro-me à primeira pessoa do parágrafo anterior… Referente, ainda, ao assunto da Miss Portuguesa na Suíça, no qual referi em notícia anterior que algumas das concorrentes na primeira eliminatória na festa do Centro Lusitano de Zurique, foram aproveitadas, sabendo que não iam passar, pelo facto de não terem altura suficiente. Aqui referem que as Miss de Zurique foram excluídas, por factos de teor político e marcas a quem não faziam parte dessa promoção.

Continuo a ser admirador de “Mendes Serafim” e repudio teses de “Claudine Gonçalves e de Geraldo Hoffmann da Swiss-info” não tenho nada contra eles, mas, neste caso, para uma revista de teor informativo das Comunidades Portuguesas na Suíça, não queremos cidadãos Luso Suíços/Brasileiros a fazerem informação e tirarem vez a quem de nacionalidade portuguesa tem dotes.

Fiz Copy de uma notícia que, emergiu no espaço da Lanhoso TV, designada por; “J.C. "Apoia" Crianças desfavorecidas!” O Sr. Jornalista “Manuel Araújo” disse: Boa noite caro "Quelhas" sou o autor do texto intitulado "J.C. "Apoia" Crianças desfavorecidas" o qual foi sem autorização publicado aqui. Você tem duas hipóteses; ou publica na íntegra e insere o nome do autor, ou então pura e simplesmente retira imediatamente o artigo em questão. Ora, também o editor do Boletim do Centro Lusitano de Zurique enviou a mesma réplica para a Lanhoso TV, onde estes retiraram imediatamente! Bem, “Jorge Campos” envia-me em formato de foto, a notícia na íntegra; J.C. “dá a "Liberdade" às crianças desfavorecidas! Realmente com assinatura de “Manuel Araújo” verifiquei que, mantinha o mesmo título no seu Blogue. Mas, esqueceu-se o Sr. “Manuel Araújo” de que, EU, tinha já, há que tempos essa mesma notícia no Blogue de J.C. em língua Deutsch, no qual lá se mantém num pequeno texto “Bild” azul em PDF. Julga-se o Sr. “Manuel Araújo” melhor que os outros e, como se não bastasse publicou o que lhe interessou no seu Blogue acerca do assunto intitulado “Palhaços” e não dá hipótese de resposta!? Deixem-me aqui dizer para terminar, esse título não foi com intenção de ferir pessoas, mas, parece que serviu de carapuça ao Sr. Editor da Revista do Centro Lusitano de Zurique. autor: Quelhas

Olá. Não me respondeu, vi a sua resposta, para além do meu e-mail na Lanhoso TV. Porem, meditei naquilo que me disse na alínea seguinte: "O meu contacto foi divulgado no "Lusitano de Zurique" justamente para que
pudessem chegar até mim questões relacionadas com os conteúdos do Jornal. Assim, gostaria que daqui para o futuro apenas o utilizasse nesse sentido." Pois bem, este é um assunto de Jornal, e como directora, deia-me uma prova de que vai ser diferente e publique-me esse artigo. É um artigo de opinião, onde uns concordam e outros não, mas, como tudo na vida, não podemos ser todos iguais no pensamento. Por isso deia-me direito a publicação deste artigo, eu tirarei minhas conclusões. PS: Gostaria de uma resposta a dizer-me, sim ou não e porquê?! Obrigado e boa sorte. Cumprimentos. Quelhas

Quelhas. Amigo Manuel Araújo, o texto foi retirado consoante o original do espaço Lanhoso TV. Pode verificar no Link que inseri junto da notícia. Obrigado pelo reparo e volte sempre.

Araújo Boa noite caro Quelhas. Sou o autor do texto intitulado “Jorge Campos “Apoia” Crianças desfavorecidas” o qual foi sem autorização publicado aqui. Você têm duas hipóteses; ou publica na íntegra e insere o nome do autor, ou então pura e simplesmente retira imediatamente o artigo em questão.

Carla. Bom dia Senhor João Quelhas. Desculpe em dizer-lhe, mas também acho que o Senhor pensa ser melhor do que aquilo que realmente é. Pior que fazer um erro é não reconhece-lo. Aceitar criticas, também é uma forma de crescermos na vida. Pare, e faça um exame de consciência. As pessoas não são palhaços e são para respeitar. Em vez de se defender com frases como a que escreveu “Sei que falam e maldizem…” Porque não pensa e responde educadamente como uma pessoa civilizada. Nem todos nós nascemos com os mesmos dons. Uns têm jeito para a escrita outros por mais que gostem de escrever não têm. P.S.: Normalmente não me meto nisto, mas acho que é demasiado triste o que escreveu.

Manuel Araújo. Excelentíssimo Senhor João Carlos Veloso Gonçalves, que se auto intitula de “poeta, crítico, escritor e jornalista das comunidades portuguesas na Suíça de Portugal e do Mundo”…e também muito grosseiro, digo eu. Informo-o que a partir de agora, também aqui, não terá mais a possibilidade de se pavonear e auto promover.

Quelhas - Relações cortadas. Eu estou-me a cagar para aquilo que pensam de mim, sei que falam e maldizem, mas, certamente não é por eu ser ignorante, senão, passaria despercebido…

Olá conterrâneo Jornalista. Antes de mais e apesar de não concordar consigo, agradeço a resposta, somente porque deixou o silêncio! “O que é mais preocupante, não é o grito dos violentos, dos corruptos, dos desonestos, ou dos sem ética. O que é mais preocupante, é o silêncio dos que são bons…” (MA) Então pensa o senhor Araújo, que temas relacionados com Amares e Terras do Bouro e Pedros Barrosos, tem alguma coisa a ver com Zürich? Isto é uma revista portuguesa para a comunidade portuguesa a viver em terras Helvéticas, e não uma revista nacional portuguesa ou do Minho e muito menos sua! Ignoram-se assim as pessoas que gostam de escrever, melhor ou menos melhor, e que querem dar algum contributo na sociedade portuguesa na Suíça?! E porque, a cada matéria que se escreve e envia, não existe uma mensagem de resposta ou opinião?
A revista é só para meninos bonitos? O senhor Araújo canta de Galo, porque está a ser bem pago pelos serviços, e o Lusitano de Zurique não terá ninguém para o substituir! “O Lusitano de Zurique é um jornal muito bom para ser oferecido à porta de uma igreja” (MA) Quem pensa o senhor que é, para dizer entre linhas, que a revista é boa? Será boa na impressão? Será boa na qualidade de escrita? Ou serão os portugueses que a lêem de terceira?! Olhe, à resposta que me deu, já não digo nada! - Vai me dizer que não é nada disso? Sabe, foi o que o senhor entendeu com o título de “Palhaços”, porque no final de contas, eu é que sou o palhaço e vocês vêem as palhacices! Ou queriam ser os mestres? Para terminar, postei sobre si no Blogue “Póvoa de Lanhoso a contrariar ou no seu melhor!” fazia conta de lhe fazer uma entrevista quando fosse a Portugal, mas como houve desentendimento! Vou esquecer… Só não sei ainda quem foi que fez a nega ao texto em epígrafe? No qual se enquadrava perfeitamente, apenas tinha página e meia e, nem que tivesse oito, pois fê-lo com carinho e, também era de mais-valia para a comunidade e para a revista, sobre tudo bom para o autor, mas assim se cortam as asas aos pássaros para eles não voarem em liberdade, neste caso liberdade de expressão. Não saiu num lado saiu no outro! Miss Centro Lusitano de Zurique para o apuramento da Miss Portugal Suíça Páginas 14 e 16 do Jornal Fri-luso http://friluso.no.sapo.pt/jornais/friluso45.pdf Sabe, trate bem do seu canil. Continuação, desejo lhe tudo de bom. autor: Quelhas

Manuel Araújo Excelentíssimo Senhor João Carlos Veloso Gonçalves, “poeta, crítico, escritor e jornalista das comunidades portuguesas na Suíça de Portugal e do Mundo”… mas que também afirma ser “um literato ocasional, o homem, o inspirador, o escritor, o poeta, o jornalista, o crítico, o artista, o dramaturgo, o cómico”, autor de livros… e peras” Senhor Gonçalves, ou Quelhas, esta resposta é a título pessoal e apenas a mim me vincula. Ponderei não lhe responder, mas esta sua nova provocação no meu blog, obriga-me a deixar claros alguns pontos. Queixa-se o Sr. de não lhe publicarmos os seus escritos e critica a orientação editorial da revista e põe em causa a sua imparcialidade. Sobre isso, mesmo não estando eu mandatado para o fazer, devo recordar-lhe que lhe foi oferecida a possibilidade de utilizar mensalmente uma página na revista do CLZ e não oito! Quanto à selecção do conteúdo informativo e orientação editorial, isso é apenas da competência da direcção, sendo todas as criticas construtivas tidas em consideração. Este email que nos enviou várias vezes, intitulado “Palhaços”, a “cortar relações” com a revista do CLZ, foi certamente escrito frente ao espelho. Uma vez mais pessoalmente, tenho-lhe a confessar que espero que cumpra essa sua ameaça. E já agora, aproveito também e respondo-lhe à solicitação que me fez sobre o que eu penso e qual a minha opinião sobre os seus escritos. Não lhe respondi na altura, porque a minha sinceridade poderia ferir susceptibilidades, mas hoje devo confessar que o seu narcisismo demonstrado e a necessidade de admiração das outras pessoas é confrangedora e doentia. Não tive paciência para ler muito, mas, do o que li, permita-me a minha franca opinião, considero uma verdadeira diarreia cerebral e literária. Mas não desanime, pois esse género, pode também ser considerado uma vertente da literatura de pleno direito. Há gostos para tudo… tenha fé. Manuel Araújo


“Palhaços”

Relações cortadas

Boa noite.
Acabei de verificar que, o tema dos “25 aniversários” do Centro Lusitano de Zurique, 20 anos do Rancho Folclórico CLZ e a Miss Lusitano de Zürich, não foi publicado.
Porque V. Exa. Quiseram meter as fotos do Luís Beja!
Caso para dizer; Façam cultura sozinhos!
- Que interessa temas de Pedro Barroso, de “Turismo Suicida” tirado da Net, e caso “Saramago”, quando este espaço deve ser sobre cultura “Luso Portuguesa” em terras Helvéticas?!
Há mais de um ano, que comecei a publicar nesta revista, apenas agradeço quando fizeram publicar sobre o tema; O livro da criança.
Já escrevi em mais de meia dúzia de jornais semanais, quinzenais e mensais e, nunca, mesmo nunca tive tanto desentendimento, como tenho vindo a ter a esta parte com o CLZ.
- Li a tese “Traição” de Mendes Serafim, e aquilo que ele escreveu, sobre o assunto de o “Traidor”, por mais que explique ao traído, nunca volta a ter confiança nele!
Penso que, deve-se a este desentendimento o seguinte: O LZ tem um presidente e uma administração, tem uma directora de jornal e um jornalista que, por sua vez também põe o dedo nas decisões e todos mandam.
Como se não chegasse, não conheço estes dois últimos senhores, Sónia Abelha Delgado e Manuel Araújo, o primeiro está sempre ou quase sempre indisponível e o segundo está definitivamente em Portugal, não existe nenhum contacto pessoal para chegar a um bom senso…
Tenho trocado correspondências, com a então directora e com o jornalista paginador e executador do CLZ, pelo facto do meu mais desiludido desprazer.
A primeira reclamação surgiu apenas em Junho, no texto de “Homenagem ao Sargento Quelhas”, no qual “Podaram” o texto e colocaram uma foto à civil, onde no espaço dessa foto cabiam as três fotos que enviei. A meter uma só foto, deveriam colocar a “Foto da farda de Sargento”, na reclamação exclamei; “Uma foto vale mais que mil palavras”…
Na edição seguinte, Julho/Agosto; “O meu Pai é um Rei do universo” voltaram a “Podar” o texto!
Já não falando nos textos que não foram publicados, no qual fiz silêncio!
Desta vez enchi!
Exijo mais respeito!
- Serei eu o “Palhaço”?
A colectividade, quando publica os textos do autor, aceita todos e qualquer texto na íntegra e respectivas fotos ou não aceitam nada!
No caso da não publicação, terão que dar uma explicação para o caso, para podermos chegar a um bom senso!?
Caso V. Exa. Venham a considerar o tema em epígrafe; “25 aniversários do CLZ” deste mês, para publicação no mês de Dezembro, e com uma justificação para os leitores, prontifico-me a dar continuidade e a colaborar com a revista do Centro Lusitano de Zurique gratuitamente. Quelhas Tenho dito. Um abraço amigo


“Associação de Invisuais do Distrito de Braga” na Suíça
Na foto, os três invisuais e os presidentes do Centro Lusitano de Zurique e do seu Rancho Folclórico
Inserto do texto do aniversário dos 25 anos do Centro Lusitano de Zurique e ainda os 20 anos do seu Rancho Folclórico do Centro Lusitano de Zurique e Miss Centro Lusitano de Zurique para o apuramento da Miss Portugal Suíça

"Depois entravam em palco a “Associação de Invisuais do Distrito de Braga”, representados pelo meu amigo Domingos Silva, natural de Galegos – Póvoa de Lanhoso.
Esta Associação veio mais uma vez à Suíça para angariar fundos, no qual rendeu 1.100,00 CHF e um Computador oferecido pela “Power – Computer”.
Domingos discursou, como se fosse ele, o grande protagonista da festa.
E muito bem, á altura de um herói que o é, agradeceu a tudo e todos.
E preferiu dizer em alta voz e, que levou muita gente a meditar;
- “Eu agradeço a todos vós a ajuda para a nossa associação, precisamos de vocês, mas nós não somos coitadinhos!
- Ajudem que “Eu” agradeço em directo na TV!
- Agradeço a toda a gente!
- “Eu” não vos vejo, mas sei que vós me estais a ver a mim, mas oiço-vos!”
Palmas…”
Numa pequena e curta conversa, Domingos Silva, pediu-me para divulgar a Associação, pois cá está uma pequena amostra da mesma!
Domingos confessou e disse-me ainda que, pediu consentimento ao presidente do CLZ, Armindo Alves natural de Brunhais, para aceitar esta vinda à Suíça e sua festa, para arranjar fundos para a Associação, onde aceitou de braços abertos.
Armindo no final discursou dizendo;
- Estamos sempre de braços abertos para ajudar uma causa...
Lindo!
Uma nota breve;
Domingos Silva estava acompanhado de uma funcionária da Associação, que está situada na Póvoa de Lanhoso e de mais dois invisuais, acompanhados por vizinhos e familiares a morar na Suíça, naturais da freguesia de Brunhais.
O invisual e director da “Associação de Invisuais do Distrito de Braga”, Domingos Silva, pediu a quem pudesse, para passar na Sede deles e ver a grande obra ali à vista de quem a quiser visitar…
Visite os Links relacionados com a notícia
http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/2009/10/miss-portugalsuica.htm

http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/2009/10/miss-centro-lusitano-de-zurique-para-o.htm
Notícia na integra por “Quelhas”
Publicada por Sporting Clube de Braga de Zurique http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/

Miss Centro Lusitano de Zurique para o apuramento da Miss Portugal Suíça
A grande vencedora da noite em Bikini e Vestido de Gala, virou celebridade e foi condecorada com a respectiva coroa.
Era ainda muito cedo, por volta das 16.00 h, quando as pessoas começaram a chegar ao grande pavilhão de Sporthalle Unterrohr em Schlieren. Previa-se uma grande festa, numa grande noite e, assim foi como o imprevisto! Vou tentar relatar ao pormenor esta linda festa de aniversário dos 25 anos do Centro Lusitano de Zurique e ainda os 20 anos do seu Rancho Folclórico do Centro Lusitano de Zurique. Para começar na minha pessoa vou tentar dizer em palavras mais reduzidas. Quem é o CLZ?!... Pois bem, o CLZ é uma instituição que, comemorou, então, os seus 25 anos de “Bodas de Prata”.
O CLZ conta para além do seu grupo de (Rancho Folclórico), também com uma equipe de (Futebol) e um (Jornal) periódico mensal, para além de outras actividades, exemplo “Vamos Contar uma História” para os mais pequenos e (Cursos de Alemão), etc… A festa começou por esta gente toda, envolvida na sociedade Luso Portuguesa. As meninas envolvidas no apuramento da Miss Portugal Suíça, animaram a grande festa, na esperança de virem a ser as grandes vencedoras na final da Miss Portugal Suíça no Casino Barrière Montreux em Lausanne, dia 28 de Novembro 2009. Ainda estava o sol reluzente e as pessoas aproximavam-se do local. As cadeiras enchiam-se lentamente até ficarem esgotadas.
Esperava assistir com entusiasmo aquela noite calorosa no dia 3 de Outubro 2009, junto da minha família e amigos, para além das pessoas que rodeavam o recinto. Com imensa alegria, esperava, esperava uma única pessoa que não estava presente connosco ali à mesa, mas estava ali entre as 10 candidatas de beleza, minha filha!
Os preparativos no palco montado por “Os Latinos Eventes” com o som dos estrumemos do cantor português “Zézé Fernandes” faziam o entretimento ao grande público. A hora era imprópria para os visitantes e magnifica para os “Organizadores da festa”! Claramente bem pensado pelo CLZ, pois aquela hora ninguém teria feito a Ceia e tinham ali ao seu dispor tudo que precisavam para comer e beber. Lá se distraíram e o restaurante facturava. Às 20.00 h em ponto, entraram em palco a maravilhosa apresentadora Maria dos Santos, do “Espaço Português – Rádio Lora” seguido de “Joaquim Silva, ex. Presidente do CLZ”. Muito divertidos fizeram a abertura da festa com a apresentação de todos os intervenientes na festa do CLZ. Palmas.
Começou a festa na parte mais romântica da mesma! Entram as 10 beldades em palco, todas elas portuguesas de norte a sul e a viver em algures pela Suíça. Em representação das Miss tínhamos o “Sr. João Simões” que irá levar até ao Casino Barrière Montreux, as grandes vencedoras. Primeiro desfile com o magnífico equipamento de futebol do CLZ, fazendo se acompanhar, cada concorrente de uma bola. Seguindo-se o segundo desfile em calça de ganga e uma t-shirt da “VIP – Moda” e ficando o resto dos desfiles mais para o fim, segurando o grande público. Os apresentadores, apresentaram os grandes convidados da noite pelo Rancho Folclórico do CLZ que, fez uma grande surpresa ao público, com a apresentação em primeira mão do seu (CD musical), então, seguia-se o Rancho Folclórico de Amburg e o Rancho Folclórico Lavradeiras do Minho de Hiwil, actuando e dando som, brilho e alegria à grande festa do CLZ.
Depois entravam em palco a “Associação de Invisuais do Distrito de Braga”, representados pelo meu amigo Domingos Silva, natural de Galegos – Póvoa de Lanhoso. Esta Associação veio mais uma vez à Suíça para angariar fundos, no qual rendeu 1.100,00 CHF e um Computador oferecido pela “Power – Computer”. Domingos discursou, como se fosse ele, o grande protagonista da festa. E muito bem, á altura de um herói que o é, agradeceu a tudo e todos. E preferiu dizer em alta voz e, que levou muita gente a meditar;
- “Eu agradeço a todos vós a ajuda para a nossa associação, precisamos de vocês, mas nós não somos coitadinhos!
- Ajudem que “Eu” agradeço em directo na TV.
- Agradeço a toda a gente!
- “Eu” não vos vejo, mas sei que vós me estais a ver a mim, mas oiço-vos!” Palmas…
O momento esperado estava a chegar! Entraram na grand’a porta para o sucesso, as 10 candidatas ao pódio daquela noite magnífica. Uma a uma, desfilaram em Bikini, as pessoas aplaudiam. Porém seguido, as Miss voltaram com os seus vestidos de Gala e faziam da festa uma noite de magia! Os paparazzis, Pedro Silva, Luís Beja e Quelhas, entre muitos, tiravam as fotos da noite. O Júri representado por 5 pessoas estava atento para fazer uma votação isenta e com dignidade. Assim foi!
As vencedoras foram condecoradas;
A grande vencedora recebeu uma facha e uma coroa.
A primeira Dama Honor recebeu uma facha.
A segunda Dama Honor recebeu uma facha.
A Miss Simpatia recebeu uma facha.
A Miss Fotogenia recebeu uma facha.
Todas as Miss receberam, cada, um ramo de flores e uma lembrança.
Ouve agradecimentos de lés-a-lés, desde as Miss, participantes e até ao presidente do CLZ. No final ouve lembranças para todos os participantes, que fizeram parte da festa, entre grupos e pessoas associadas à grande festa do aniversário do Centro Lusitano de Zurique e do seu grupo Folclórico.
Pela noite dentro e já de madrugado, começou a actuação de Zézé Fernandes e seu grupo de musica popular.
"Quelhas" autor/escritor/jornalista povoense
Veja por favor todas as candidatas em; http://povoadelanhosoacounoseum.blogspot.com/
Publicada por Sporting Clube de Braga de Zurique em http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/

Lusitano Zürich feiert 25 Jahre des Lebens Lusitano de Zurique comemora 25 anos de vida
20 anos - aniversário do Rancho Folclórico do Centro Lusitano de Zurique
Vai haver festa: participação de 2 ranchos e Concurso de MISS C.L.Z
Local:
Sporthalle Unterrohr em Schlieren ZH, a partir das 18.00 horas, no Sábado, 03 de Outubro de 2009
autor: Quelhas
Publicada por Sporting Clube de Braga de Zurique http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/
"Quelhas" autor povoense

6 comentários:

Anónimo disse...

há lá no centro alguns marmelos que teem a mania de serem bons

Anónimo disse...

Ke Korja, julguei que só em portugal havia disto. Inflizmente korja, existe tambem na Suíça com portugueses irmãos da nação.

Anónimo disse...

Copinhos de Leite vão-se abaixo pelo simples nome palhaços que afinal acaba por ser um homem embora hajam homens palhaços

JOÃO SILVA disse...

POR AQUILO QUE LI, O QUELHAS TEM RAZÃO, QUAL É A DO EDITOR ANDAR A CORTAR TEXTOS DO AUTOR? A DIRECCÃO DO CENTRO ESTÁ A VER MAL A COISA. METAM AS COISAS NO LUGAR DAS COISAS. O EDITOR QUE FACA O TRABALHO DELE E QUE DEIXE O DIRECTOR TOMAR DECISÕES ACERTADAS. A NÃO SER QUE O CENTRO TENHA TAMBÉM CULPA NO CARTÓRIO? SERÁ!...

Anónimo disse...

Vivo em Braga e costumo visitar este blogue do Braga, porque sou adepto real. Verifico, ele é um todo do Braga e um pouco do autor em si. Um blogue rico em informação bracarense em portugal e na suíça. Um blogue rico em informação portuguesa na suíça. Uma pobreza imensa, realcei com a ultima notícia, onde o autor, lamenta, faz ver, exercita, que, um tal jornal onde escrevia deixou de ter sentido. Culpa a que refere do seu editor, de um tal Manuel Araújo, que ninguém conhece por estas bandas de Braga. Por aquilo a que me apercebi, o jornal, Centro Lusitano de Zurique, compactua, com o editor do mesmo jornal. Inflizmente ou felizmente, o autor tem este espaço em parceria com o SP de Braga e Braga de Zurique para, se, mostrar e dar as suas notícias apartir daquela cidade de Zurique. Não conheço o autor, já ouvi falar nele, tenho informação que pertence a algures do distrito de Braga de seu nome Quelhas. Boa Páscoa.

Anónimo disse...

esses tipos do lusitano de zurique parecem ter o rei na barriga